levitra

| Espocc 2013

EDITAL DE SELEÇÃO PARA REPOSIÇÃO DE ALUNOS PARA A ESCOLA POPULAR DE COMUNICAÇÃO CRÍTICA – ESPOCC TURMAS 2013

O Observatório de Favelas torna pública, por meio desta chamada, as normas do processo de seleção de alunos para a Escola Popular de Comunicação Crítica – Turmas ESPOCC 2013, reposição.

1.    INFORMAÇÕES GERAIS

1.1  A ESPOCC

A Escola Popular de Comunicação Crítica – ESPOCC existe desde 2005. Criada pelo Observatório de Favelas no Complexo da Maré é uma das mais tradicionais escolas de comunicação popular do Brasil.

Pelo segundo ano consecutivo, trabalhamos a perspectiva da formação em Publicidade Afirmativa – aquela que não visa o lucro ou a promoção de uma marca com fins estritamente comerciais e que promove valores de sociabilidade, cultura e empreendedorismo comunitário e socioambiental. Trabalhamos os conhecimentos de comunicação crítica, audiovisual, criação digital e planejamento, entre outros.

A ESPOCC quer abrir espaço para a discussão e transmissão de conhecimentos para jovens, nas áreas de publicidade, propaganda e marketing, tornando-os capazes de, ao mesmo tempo, acessar o mercado de trabalho e desenvolver ideias inovadoras, inventivas e transformadoras de realidades individuais e coletivas.

1.2  Sobre o Observatório de Favelas

O Observatório de Favelas é uma instituição de pesquisa e consultoria, que desde 2001 se dedica à produção e à troca de conhecimentos sobre comunidades populares. Visa elaborar, articular e implementar, a partir desses espaços, práticas exemplares para superar desigualdades e expandir direitos e responsabilidades, em prol de uma cidadania participativa e plena.

1.3  Objetivo Geral

Contribuir para a valorização e o fortalecimento da condição cidadã dos moradores dos territórios populares através de ações de discussão e produção no campo da comunicação; promover a iniciação/ capacitação de jovens moradores de espaço popular em teoria, linguagens, ferramentas e planejamento de Publicidade Afirmativa; e fomentar uma rede colaborativa de criação e comunicação de produtos para a transformação social e o fortalecimento da educação, da cultura, da ética e da cidadania.

2. SOBRE O CURSO

O curso, iniciado em janeiro de 2013, oferece 60 vagas de reposição com inscrições de 10 a 24 de junho de 2013.

Início das aulas: 08 de julho de 2013.

Aulas de Publicidade com Ênfase em Audiovisual: terças, quartas e quintas-feiras, das 14h30 às 17h30

Aulas de Publicidade com Ênfase em Criação Digital: terças, quartas e quintas-feiras, das 18h30 às 21h30.

Oficina para alunos novos (obrigatória, paralela ao início das aulas): dias 08 e 15 de julho de 2013 e 05 e 12 de agosto de 2013.

Investimento: Gratuito

 

OFICINAS PARA ALUNOS NOVOS SELECIONADOS:

As oficinas para alunos novos constituem-se de 4 (quatro) encontros de nivelamento de conteúdo, as segundas feiras, nos dias 08 e 15 de julho e 05 e 12 de agosto de 2013. Para os selecionados na ênfase em Audiovisual, as aulas ocorrerão a tarde, de 14h30 às 17h30 e para os alunos selecionados para a ênfase Criação Digital as aulas ocorrerão a noite, das 18h30 às 21h30. Os selecionados serão matriculados, num primeiro momento, como ouvintes e só terão sua matrícula efetivada após a participação nas oficinas, que são obrigatórias.

Durante este período, de realização das oficinas, os participantes selecionados assistirão aula de segunda à quinta, no horário de sua ênfase.

2.1  Certificado

Diploma de Extensão pela UFRJ (conforme detalhado no Projeto Político Pedagógico – disponível no site)

2.2  Objetivos

Apresentar conhecimentos teóricos nas áreas de comunicação, cultura, sociedade e publicidade. Promover a análise crítica e aplicação de conceitos e metodologias de produção e circulação de bens e serviços de publicidade afirmativa nas áreas de Audiovisual e Criação Digital. Estimular e desenvolver produtos, serviços e projetos de publicidade para a colaboração artística, cultural e tecnológica com instituições de ensino, entidades públicas, organizações da sociedade civil e o mercado de publicidade.

2.3  Programa

O programa se desenvolve a partir de módulos interdependentes, em que se combinam teoria e prática. Os alunos terão a oportunidade experimentar os conhecimentos adquiridos em projetos que desenvolverão durante o curso e na Agência-modelo.

 

Conteúdos de Comunicação, Cultura e Sociedade:

Direitos Humanos

Teorias e História da Comunicação

Comunicação e Práticas Discursivas

Análise crítica das mídias

Comunicação e Ética

Conteúdos de Linguagens da Publicidade Afirmativa

Conhecimentos comuns às duas habilitações:

Processo Criativo

Redação Multimídia

Atendimento/prospecção

Planejamento

Mídias

Conhecimentos específicos de Audiovisual:

Roteiro

Produção

Direção

Montagem

Conhecimentos específicos de Criação Digital:

Arquitetura da Informação

Programação

Webdesign

Redes sociais virtuais

Conteúdos de Planejamento em Comunicação Popular

Gestão integrada de comunicação (comunicação integrada)

Técnicas de gestão de organizações populares de comunicação

Empreendedorismo, Produção Cultural e Indústria Criativa

Produção e apresentação de Projeto Final

 

3.    PRÉ-REQUISITOS

Cursar ou ter concluído o Ensino Médio;

Possuir conhecimentos básicos de informática (Windows, Office e Internet).

4.    NÚMERO DE VAGAS

60 vagas, sendo, no mínimo, dois terços para alunos moradores de favelas e periferias do Rio de Janeiro.

5.    INSCRIÇÃO

As inscrições serão aceitas durante o período de exposição deste Edital – de 10 a 24 de junho de 2013.

As inscrições devem ser feitas mediante preenchimento de ficha de inscrição na internet ou na sede do Observatório de Favelas, no endereço: Rua Teixeira Ribeiro, 535 – Parque Maré, Rio de Janeiro.

Para acessar a ficha de inscrição, clique aqui.

(eliminamos o correio eletrônico, certo?)

(Correio-eletrônico: selecao.espocc@gmail.com (no corpo do e-mail, e não anexado);

Ou entregue impresso.)

A habilitação pretendida, em função da procura e do processo seletivo, pode não ser a ofertada ao aluno ao fim da seleção.

O Observatório de Favelas não se responsabilizará por inscrições não recebidas por motivos de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, bem como outros fatores que impossibilitem a transferência de dados.

O candidato inscrito se compromete automaticamente, caso aprovado, a entregar os documentos comprobatórios dos requisitos exigidos no presente edital.

O candidato não precisará efetuar pagamento de nenhuma espécie.

6.    SELEÇÃO E MATRÍCULA

a.    1ª etapa – Seleção dos inscritos

Os candidatos, nesta etapa, serão selecionados pelas fichas de inscrição, por isso, aconselha-se seu correto e pleno preenchimento. Só serão aceitas inscrições realizadas pela internet ou realizadas na sede do observatório de favelas. Não serão aceitas inscrições sem telefone ou e-mail de contato devidamente preenchidos.

Divulgação da seleção: 26 de junho de 2013 – por e-mail aos inscritos, no site do Observatório (www.observatoriodefavelas.org.br/observatoriodefavelas/projetos) e na sede da organização.

b.    2ª etapa – Final

Entrevista: Tem por base a ficha de inscrição e será conduzida por uma banca avaliadora.

Período: 02 de julho de 2013, das 14h30 às 17h30, para os selecionados para ênfase em Audiovisual e de 18h30 as 21h30 para os selecionados para ênfase em Criação Digital.

Local: sede do Observatório de Favelas.

Divulgação da seleção final: 04 de julho de 2013

Ao final do período das oficinas de nivelamento, haverá a matrícula: 13, 14 e 15 de agosto, das 14h30 às 21h00 horas, no Observatório de Favelas.

7.    DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS

Devem ser apresentados no ato da matrícula: Cópia de documento de identidade com foto;

Cópia C.P.F.; Comprovante de conclusão ou de matrícula no ensino médio ou superior; Cópia do comprovante de residência atualizado e no nome do candidato ou do responsável (caso seja menor de idade); 02 foto 3×4.

8.    INFORMAÇÕES

Correio-eletrônico: selecao.espocc@gmail.com

Telefone: 21 3104 4057

Endereço: Rua Teixeira Ribeiro, 535 – Parque Maré

 

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2013